Anúncio publicitário

Compartilhe

WhatsApp
Facebook
Telegram

Estudantes homenageiam Vitória e o bairro São Pedro com poesias e desenhos

A cidade de Vitória, com seus 472 anos de história, e o bairro de São Pedro, que completa 46 anos, estão sendo homenageados de maneira especial por meio do projeto "Um olhar sobre Vitória e o bairro de São Pedro", promovido pela Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Maria José Costa Moraes, que fica em São José. O projeto tem como principal objetivo alfabetizar as crianças, aprofundar seus conhecimentos e estabelecer uma relação direta entre o aprendizado e a realidade em que vivem.

Estudantes homenageiam Vitória e o bairro São Pedro com poesias e desenhos

A cidade de Vitória, com seus 472 anos de história, e o bairro de São Pedro, que completa 46 anos, estão sendo homenageados de maneira especial por meio do projeto “Um olhar sobre Vitória e o bairro de São Pedro”, promovido pela Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Maria José Costa Moraes, que fica em São José. O projeto tem como principal objetivo alfabetizar as crianças, aprofundar seus conhecimentos e estabelecer uma relação direta entre o aprendizado e a realidade em que vivem.

Essa proposta educativa envolveu atividades diversificadas, incluindo saídas pedagógicas para explorar os pontos turísticos de Vitória. Os estudantes puderam conhecer lugares emblemáticos como o Manguezal, o Parque da Pedra da Cebola, a Pedra dos Dois Olhos, a Ilha das Caieiras, a Praia de Camburi e o Santuário de Santo Antônio. Essas experiências aproximaram os alunos de sua cidade, permitindo que se sentissem parte integrante das riquezas culturais e naturais que Vitória oferece.

Como ponto alto do projeto, ocorreu um concurso de poesia e desenhos, com premiações para os três primeiros lugares. Assim, as obras resultantes desse projeto incrível estão atualmente em exposição no hall da Secretaria de Educação de Vitória (Seme), onde servidores, educadores, visitantes e alunos da rede municipal podem apreciar o talento e a criatividade dos alunos da Emef de São José até a sexta-feira (06). É uma oportunidade única de ver a cidade e o bairro através dos olhos curiosos e inspiradores das jovens mentes que o habitam.

Nesse sentido, o professor Dario Rocha Damasceno enfatizou a importância da produção de textos no processo educacional: “A exposição que vemos hoje é o resultado de uma intervenção na alfabetização por meio da produção de textos. Isso amplia o conhecimento das crianças e fortalece seu compromisso e responsabilidade com a cidade, cultivando o sentimento de pertencimento e amor ao lugar onde vivem”.

Além das produções de textos convencionais, os estudantes também utilizaram a tecnologia, demonstrando sua criatividade ao criar conteúdo em tablets e no laboratório de informática. A variedade de abordagens permitiu que cada aluno expressasse sua visão única sobre Vitória e São Pedro.

Valorizar a cidade e o território em que vivem

A pedagoga Delma Ferreira, queapoiou os alunos e educadores no desenvolvimento do projeto, falou sobre os objetivos da proposta: “Nossa meta é alfabetizar todas as crianças, aprofundar e consolidar os conhecimentos em todas as áreas. Por isso, todos os nossos projetos são pensados e planejados com produções de textos, para alcançarmos nossos objetivos.”

A professora Valkize Endlich Castelan, do 2º ano, destacou a importância de trazer a história, costumes, características, cultura e pontos turísticos de Vitória para dentro da escola: “Nosso objetivo é que os alunos conheçam mais sobre a cidade e o bairro onde vivem. As produções que vemos aqui expressam o protagonismo das crianças da Emef Maria José Costa Moraes, mostrando o olhar de cada um por meio de desenhos e textos.”

2023 © ES Post. Todos os Direitos Reservados.