Anúncio publicitário

Compartilhe

WhatsApp
Facebook
Telegram

Investimentos em obras em Vila Velha transformam a vida dos moradores

Vila Velha passa por uma grande transformação com impacto direto no dia a dia da cidade e da população. Nestes mil dias da gestão do prefeito Arnaldinho Borgo, são inúmeras entregas e investimentos, somente em obras estruturantes contratadas e em execução, provenientes de recursos do tesouro municipal e repasses do Estado e do governo federal. Algo jamais visto. As reformas e construções de escolas, unidades de saúde, ciclovias, praças e campos de futebol; obras de macrodrenagem e pavimentação de ruas; além das atividades diárias de manutenção da cidade, com reparos nas vias e intervenções subterrâneas, por exemplo, transformaram Vila Velha, segundo Arnaldinho Borgo, no “maior canteiro de obras a céu aberto” do Estado.

Vila Velha passa por uma grande transformação com impacto direto no dia a dia da cidade e da população. Nestes mil dias da gestão do prefeito Arnaldinho Borgo, são inúmeras entregas e investimentos, somente em obras estruturantes contratadas e em execução, provenientes de recursos do tesouro municipal e repasses do Estado e do governo federal. Algo jamais visto. As reformas e construções de escolas, unidades de saúde, ciclovias, praças e campos de futebol; obras de macrodrenagem e pavimentação de ruas; além das atividades diárias de manutenção da cidade, com reparos nas vias e intervenções subterrâneas, por exemplo, transformaram Vila Velha, segundo Arnaldinho Borgo, no “maior canteiro de obras a céu aberto” do Estado.

Morador de Barramares desde que nasceu, há 25 anos, Diego Gomes da Silva lembra que antes de os investimentos dessa gestão chegarem ao bairro, morava em uma rua sem calçamento e de frente para um valão. Barramares recebeu pavimentação de várias ruas, reforma da pracinha, melhorias na iluminação pública, entre outras ações. “Estou muito feliz com as obras executadas pelo município no meu bairro. Isso trouxe mais dignidade à população”, ressaltou.

E é esse sentimento que o prefeito disse que os investimentos, por todas as partes da cidade, estão despertando nas pessoas das mais variadas classes sociais, uma vez que os recursos foram descentralizados, desenvolvendo a cidade como um todo.

“Os investimentos são fruto de uma administração responsável, participativa e transparente. Nossa gestão atua com muito planejamento para que os recursos públicos cheguem em todas as regiões, em benefício da população canela-verde, pois a nossa missão é cuidar de gente. Com muito diálogo, fechamos parcerias importantes com os governos do Estado e federal, garantindo mais investimentos. São R$ 3,5 bilhões em infraestrutura urbana em execução no município. Essa é a Vila Velha do futuro, sendo construída agora e por várias mãos”, afirmou Arnaldinho Borgo.

Praças

Entre as inúmeras obras estruturantes, foram construídos e reformados 70 espaços públicos, especificamente praças e campos de futebol, proporcionando um local seguro e atrativo para as crianças e seus familiares, contemplando bairros como Ponta da Fruta, Normília da Cunha, Prainha, Vila Garrido, Ulisses Guimarães, Guaranhus, Zumbi dos Palmares, Glória, Itapuã, Ibes, Ilha dos Bentos, Itaparica e Praia da Costa.

O Parque da Baleia, em Ponta da Fruta, foi a primeira praça a ser inaugurada pela atual gestão, em 25 de setembro de 2021, em meio à pandemia de Covid-19. O local abriga o primeiro Pump Track do Espírito Santo e o primeiro da América Latina construído na beira da praia. Possui 280 metros lineares de pista e área de 2.260 m² com dois níveis, o intermediário e o iniciante. Além da pista de Pump Track, a Praia da Baleia também conta com um parquinho para crianças, quadra de areia, feira gastronômica e nova iluminação de LED.

Para Lediane Dario Rocon, que mora em Balneário Ponta da Fruta há 25 anos, a construção desse complexo esportivo e as diferentes melhorias feitas no bairro são motivo de muito orgulho para a comunidade. Ela explicou que, agora, os filhos Aurélio Miguel, de 8 anos, e Maria Eduarda, de 13 anos, têm um local de lazer adequado e diversificado para aproveitarem com segurança.

“É maravilhoso ter um espaço seguro que a gente possa trazer as crianças. Antes, elas brincavam nas ruas. Este espaço estava perdido, era só um lugar aberto. A praça veio agregar muito para Ponta da Fruta e entorno, e atende a todos os gostos, já que tem diferentes espaços. Fui criada no bairro e aqui nunca teve nada. O município também está pavimentando a minha rua. Isso valoriza ainda mais o nosso bairro. Essa gestão é de realizações. O que é muito bom para a população canela-verde”, afirmou.

O filho Aurélio Miguel Rocon, que adora andar de bicicleta, também é só elogios para a praça. “Gosto muito de brincar aqui. Antes, só dava para brincar nas ruas, o que é perigoso por conta dos carros passando. Tudo aqui é legal”.

Já o morador de Itapuã Pedro Lopes de Oliveira, de 16 anos, comemora a requalificação e modernização da Praça Agenor Moreira, que estava abandonada e era frequentada por muitos usuários de drogas. Atendendo à demanda dos moradores, o espaço foi revitalizado e entregue à comunidade em 5 de agosto de 2022.

“Desde que eu era criança, o espaço sempre foi muito mal cuidado. As reformas eram só para pintar a quadra, o meio fio, coisas básicas. Agora, nesta gestão, aconteceu diferente. Esta reforma mudou a vida de quem é comerciante no bairro, dos moradores e frequentadores do local. Hoje, não temos mais usuários de drogas usando a pracinha ou dormindo lá. Foi uma verdadeira transformação, que impactou o bairro e o entorno. As pessoas agora saem mais, frequentam a pracinha, têm aula de zumba e praticam atividades esportivas, como o basquete”, destacou.

A secretária de Obras e Projetos Estruturantes, Menara Cavalcante, ressalta a importância das entregas feitas até o momento e explica o objetivo da administração municipal. “Nosso foco é trabalhar muito para melhorar os serviços prestados pelo município e levar mais qualidade de vida e dignidade aos moradores”, destacou.

Estações de bombeamento
As ações de enfrentamento dos alagamentos e enchentes que marcaram, de forma negativa, a história do município há mais de 60 anos também estão entre as prioridades deste governo. A atual gestão construiu quatro novas Estações de Bombeamento de Águas Pluviais (Ebaps), localizadas em Cobilândia, Marilândia, Foz do Costa e Rio Marinho, ampliando o sistema atual de drenagem por bombeamento para sete. Outras cinco ebaps estão em construção, Laranja, Aribiri, Bigossi, Parque das Gaivotas, Pontal das Garças e Bigossi, e serão entregues até o final de 2024. Investimentos feitos pela prefeitura em parceria com o Governo do Estado.

E pela primeira vez na história de Vila Velha, o município possui contratos de desassoreamento e limpeza de canais e galerias. Os contratos preveem investimento anual de R$ 42 milhões para limpeza de 50 quilômetros de canais e 55 quilômetros de galerias, além da destinação dos resíduos. A medida faz parte do projeto Alagamento Zero, que tem como objetivo garantir o fluxo contínuo das águas da chuva das redes de drenagem até a maré.

Também chama a atenção as ações de infraestrutura envolvendo melhorias de calçadas, drenagem e pavimentação de vias, totalizando mais de 52 quilômetros de vias requalificadas. Essas intervenções abrangeram todas as regiões administrativas de Vila Velha, valorizando os bairros e levando mais dignidade aos moradores.

Educação e saúde
Na área da Educação, por exemplo, 14 novas escolas foram entregues aos munícipes, ampliando assim o número de vagas na rede municipal de ensino. Em 2021, o município tinha 51.812 estudantes matriculados. Esse número saltou para 54.838 alunos matriculados em 2023. Até o momento, 100 escolas foram reformadas e receberam melhorias, e outras creches estão em construção, como as Unidades Municipais de Ensino Infantil (UMEIs) de Jaburuna, São Conrado, Jabaeté, Sítio Batalha e Tia Nenzinha (Bloco 2), em Divino Espírito Santo, o que vai garantir mais de 1.200 novas vagas.

Também foi assinada a ordem de serviço para a construção do Complexo de Educação Municipal Infantil e Fundamental Professora Nair Dias Barbosa, em Ponta da Fruta. A nova escola terá capacidade para atender 1.800 alunos, sendo 1.030 na educação infantil, crianças de 1 a 5 anos, e 750 no ensino fundamental, do 1º ao 9º ano. A obra será executada pelo município, em parceria com o governo do Estado, com investimento total de mais de R$ 20 milhões.

Outra importante realização da gestão foi a inauguração da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Zilda Arns, no bairro Riviera da Barra, na Grande Terra Vermelha, em dezembro de 2021, após 12 anos de espera dos moradores. A UPA de Riviera da Barra funciona 24 horas e tem capacidade para realizar 200 mil atendimentos por ano. Foram investidos R$ 6.130.543,15 na construção do local. Também foram entregues três novas Unidades de Saúde, em Ataíde, São Torquato e Divino Espírito Santo.

A nova sede do Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil Silvia Valeriano Silva, em Jabaeté, entregue no dia 14 de julho de 2023, também era aguardada há anos. O CAPSi Jabaeté conta com seis consultórios para atendimento de médicos, enfermeiros, assistentes sociais e psicólogos. Com área total de 1.560 m², o investimento foi de R$ 1.186.553,13, proveniente de verba de fundos estadual e municipal.

Dessa forma, os mil dias de governo que estão transformando a cidade reforçam o compromisso da atual gestão em superar os desafios do passado, resgatando o orgulho de ser canela-verde, garantindo melhores serviços e mais qualidade de vida à população de Vila Velha.

Notícias Recentes

Anúncio publicitário

2023 © ES Post. Todos os Direitos Reservados.