Anúncio publicitário

Compartilhe

WhatsApp
Facebook
Telegram

Outubro Rosa: acolhidas de abrigos de Vitória têm evento para falar sobre o tema

"Para Além do Laço Rosa". Esse foi o nome dado ao encontro promovido para mulheres acolhidas nos sete abrigos para adultos da Secretaria de Assistência Social (Semas), na tarde da quarta-feira (25), no Parque Botânico da Vale.  

“Para Além do Laço Rosa”. Esse foi o nome dado ao encontro promovido para mulheres acolhidas nos sete abrigos para adultos da Secretaria de Assistência Social (Semas), na tarde da quarta-feira (25), no Parque Botânico da Vale.

Nesse grande encontro, embora o foco fosse chamar atenção para a necessidade do autoexame e das ações preventivas de combate ao câncer de mama e do colo do útero, o assunto foi ampliado para falar  sobre todos os processos de violência conta mulher – inclusive, lembrando do Dia contra violência contra a mulher (10 de outubro).

Temas que  Luanny Sampaio, usuária da Hospedagem Noturna, disse considerar de extrema importância. “O momento foi muito bom. Além de aprender, tirar dúvidas, o convívio com outras pessoas é muito legal”, falou ela. Luanny disse que estava voltando para o acolhimento com outra mentalidade”. A gente volta mais leve, mais tranquila. Os passeios são uma terapia”, falou.

Receber o convite para participar do “Para Além do Laço Rosa”, a dona de casa Marilene Rodrigues Brito, de 36 anos, fez questão de ir e levar consigo a filha Danielly Vitória, de 15 anos, a irmã Marcilene e, só não levou o filho Waliffer, de 18, porque na hora de sair ele não estava em casa.

Morando no Alojamento Provisório de Famílias, localizado em São Cristóvão, a dona de casa disse que sempre aceita todos os convites que recebe para participar de ações promovidas pelos serviços da Assistência Social. “São sempre muito bons. As pessoas são legais, o que eles falam sempre é importante e ajuda a gente a pensar”, declarou ela.

Aprendizado

A nutricionista Giselle Machado de Souza, contou que a ideia do “Para Além do Laço Rosa” foi construída em conjunto com todos os coordenadores dos Acolhimentos para adultos da Semas. “Trazer o evento para fora dos espaços comuns de vivência possibilita falarmos de temas sérios de forma mais lúdica, prazerosa, além de propiciar aos usuários e acompanhados uma tarde de convivência, afeto e trocas”, falou Giselle. Participaram ainda da ação a assistente social Fernanda Vieira e a Educadora Social do, Abrigo Karolina Vieira.

A gerente de Proteção Social de Alta Complexidade Anacyrema Silva comemorou o sucesso do “Para Além do Laço Rosa”. “Conseguimos reunir as acolhidas de todos os nossos equipamentos. Foi realmente uma tarde de muito aprendizado e de grande convivência.

A secretária de Assistência Social, Cintya Schulz, destacou o compromisso da equipe no desenvolvimento de ações que contemplem temas fundamentais para a saúde e proteção das mulheres aliadas ao convívio e fortalecimento de vínculos familiares e comunitários. “Os trabalhadores do Sistema Único da Assistência Social (Suas) sabem da importância de cuidar de quem cuida. As mulheres são majoritárias nos nossos serviços e, em grande maioria, estão à frente nas famílias”, comentou Cintya.

2023 © ES Post. Todos os Direitos Reservados.