Anúncio publicitário

Compartilhe

WhatsApp
Facebook
Telegram

Parque Barreiros terá sede de escoteiros, em Vitória

A população da capital conta com duas importantes iniciativas no Parque Municipal de Barreiros, localizado em São Cristóvão: a reabertura do Centro de Educação Ambiental (CEA) e a instalação da Sede do Grupo Escoteiro do Mar Ilha de Vitória (11º/ES Gemar).

A população da capital conta com duas importantes iniciativas no Parque Municipal de Barreiros, localizado em São Cristóvão: a reabertura do Centro de Educação Ambiental (CEA) e a instalação da Sede do Grupo Escoteiro do Mar Ilha de Vitória (11º/ES Gemar).

Durante a solenidade de inauguração , no sábado (6), o prefeito de Vitória , Lorenzo Pazolini, destacou a atividade dos escoteiros e falou do Parque com a nova sede. “O trabalho dos escoteiros é excepcional, extraordinário, de formação dos homens e mulheres, de vínculos familiares, de trabalho de civismo e patriotismo, um trabalho que forma uma geração comprometida com o país. Nosso papel é trazer isso para que outras pessoas possam se inspirar nesses bons exemplos. Eu tenho certeza de que a partir dessa sede própria, aqui dentro do Parque de Barreiros, nós vamos ter algo extraordinário”, declarou.

Desde 2014 fechado, agora o parque está totalmente reestruturado, reformado e modernizado.

O CEA Barreiros passa a ofertar atividades às escolas, comunidades e aos grupos sociais do entorno, possibilitando a realização de projetos e ações socioambientais, visando à promoção de práticas educativas para qualidade de vida, cuidado com meio ambiente e com o próximo.

“Esse é um importante equipamento capilarizador das políticas públicas de educação ambiental na região da Grande Maruípe”, apontou o secretário municipal de Meio Ambiente, Tarcísio Föeger.

Escoteirismo

Em parceria com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam), a Sede do 11º/ES GEMAR – Grupo Escoteiro do Mar Ilha de Vitória, única turma de mar do Estado do Espírito Santo e, ainda, a única em funcionamento na capital, traz uma nova atividade para o equipamento público.

Há 27 aos, o grupamento realiza atividades educacionais complementares voltadas para jovens na faixa etária de 6 a 21 anos, usando para isso o método do escoteirismo. “A área do Parque Barreiros se tornará um grande espaço de integração entre os estudantes da rede municipal e os escoteiros, com trocas de experiências e vivências. A parceria também envolverá as comunidades do entorno”, completou o secretário.

Lazer para a criançada

A programação neste sábado contou com momentos de distribuição com pipoca e algodão-doce, com a participação musical de estudantes da Classe de Flauta Doce da Escola Fafi e a apresentação da Companhia de Bonecos Tio Diu, que divertiram o público e levaram mensagens de como é possível contribuir para melhor cuidar do meio ambiente.

Na sequência foi realizada ainda uma oficina sobre a atuação ministrada pelo Grupo Escoteiro do Mar Ilha de Vitória, que teve como público os Guardiões Ambientais Mirins de Vitória.

Os grupos de escoteiros, guardiões, pais e convidados percorreram o Parque Barreiros com a equipe técnica da Gerência de Educação Ambiental (GEA).

Parque Barreiros

O nome Barreiros se deve à antiga fazenda que ocupava áreas dos atuais bairros de Joana D’Arc e São Cristóvão. A fazenda foi extinta, mas a palavra Barreiros ficou e, até o final dos anos de 1960, designava a área que equivale a esses bairros.

O Parque Municipal de Barreiros foi inaugurado em 1998, a partir de um antigo sítio onde se desenvolvia a fruticultura. Mangueiras, cajueiros, jaqueiras, abiuzeiros, ingazeiros, jamelões e abricoteiros estão espalhadas pelo local, compondo a região mais plana, entre muitas outras espécies de porte menor.

Uma nascente dá origem ao córrego que atravessa o parque em sua parte lateral. Aves, répteis e peixes podem ser vistos no local, que possui área superior a 46 mil metros quadrados.

Além do Centro de Educação Ambiental (CEA) e da Base dos Escoteiros, o parque também conta com um campo de futebol, anfiteatro para realização de eventos artísticos e culturais, áreas para caminhadas e uma academia popular da pessoa idosa.

2023 © ES Post. Todos os Direitos Reservados.